terça-feira, 31 de março de 2009

MAR NO OLHAR, OLHAR NO MAR

Mar que arredonda pedra
que arrefece areia
que se arrisca em mar.

Olhar que arremete alma
que arrepia pele
que se arranha em olhar.

Mar que queria olhar,
Olhar que queria mar
que queria amar
cada gota, cada grão,
cada poro, cada vão.

Mar na pedra,
Pedra na areia,
Areia no mar.

Mar no olhar.

Olhar na alma,
Alma na pele,
Pele no olhar.

Olhar no mar.

3 comentários:

Mário Cesar Filho disse...

como sempre, lindo texto! AInda mais para um pisciano... acabo sendo suspeito para elogiar. bjs

Ponteiros e Ponteiras disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Ana Hime. disse...

Lindo, fazia tempo que não visitava seu blog.